fbpx

Atendimento de Segunda a Sexta, das 9h às 12h e das 13h às 17h

14 jun

Quantos dias sua empresa trabalha para alcançar o lucro zero?

Você sabe quantos dias sua empresa trabalha por mês até atingir o lucro zero? Se você não fez essa pergunta dentro do seu negócio até este momento, está na hora de começar a pensar duas vezes. Para muitos, pensar e falar sobre o lucro zero é algo que não agrega tanto assim ao negócio, fazendo com que a ação não valha a pena.

Porém, é aí que está o grande erro. Entender plenamente o lucro zero e saber quando ele é alcançado dentro de um mês pode mudar drasticamente os níveis operacionais de uma empresa. Ao encurtar este tempo, por exemplo, você e seus funcionários podem passar mais dias de um período buscando lucro, de fato, para a empresa.

Mas, para entender exatamente o que queremos dizer, vamos começar falando claramente o quê é o lucro zero. A partir daí, você poderá aprender a calculá-lo e saber, de fato, quantos dias sua empresa trabalha até alcançá-lo. Confira estas informações com a MCA no restante do texto abaixo!

 

O que é o lucro zero

O lucro zero, também chamado de ponto de equilíbrio contábil, é, essencialmente, a receita necessária para cobrir todos os custos de uma empresa, deixando-a sem prejuízos e nem lucros. Pode-se dizer que ele é o valor mínimo que uma empresa deve fazer para não ficar com seus números negativos.

Considerando que todas as empresas começam períodos (sejam eles um mês, um ano ou outro) com custos de produção e funcionamento pré-determinados, alcançar o break even point, nome original do conceito, é o primeiro passo rumo à obtenção dos lucros desejados. Depois que o lucro zero é atingido, todos os valores que entrarem daquele ponto em diante serão lucro de fato.

 

Como calcular

O cálculo do lucro zero não é nada complicado: basta ter conhecimento de todos os custos operacionais da empresa (tanto os fixos quanto os variáveis) e da margem de contribuição de seus produtos. A margem de contribuição é o número definido pela diferença entre o custo de produção e o preço de venda. Tome como exemplo:

 

Um produto que custa R$ 2,00 para ser feito e é vendido por R$ 6,00 possui uma margem de contribuição de R$ 4,00.

 

Simplificando: a margem de contribuição é o valor que se obtém de lucro em cada produto. Logo, a fórmula para calcular o ponto de equilíbrio contábil, o lucro zero, é:

 

Custos e despesas fixas / Margem de contribuição

 

Vamos colocar a fórmula em números? Considere o mesmo produto que citamos acima na margem de contribuição. Se a empresa em questão possui, por exemplo, R$ 5.000,00 de despesas mensais fixas, deve-se dividir o valor por R$ 4,00 a margem de contribuição.

Logo, o resultado desta equação, o lucro zero, é R$ 1.250,00. Este é o valor que nossa empresa exemplo deve obter para não ficar com prejuízos e nem lucros. Por fim, o valor corresponde a 313 unidades do produto.

Conhecendo sua operação e suas vendas, você pode utilizar esta fórmula para calcular uma estimativa de quantos dias em um mês sua empresa leva para alcançar o lucro zero.




Viu como o lucro zero possui uma importância que não deve ser tratada como coadjuvante? Agora você já pode passar mais tempo dos seus meses buscando um lucro verdadeiro. Gostou do texto que a MCA preparou para você hoje? Para ver mais conteúdos como este, siga nosso Facebook e Instagram!

RECEBA NOSSAS NOVIDADES POR E-MAIL